Às vezes acho que ainda estamos no século passado, pelo menos na cabeça de muita gente. Apesar de tanta emancipação de tanto assunto e de estarmos todos “tão à vontade” com todas as questões que fogem ao tradicional, ainda há muitos preconceitos.

 

Desde que tive a minha filha (que é sem duvida a melhor coisa da minha vida) dezenas de pessoas me dizem “Devias emagrecer, toma comprimidos, vai à bruxa, fecha a boca, faz cross fit, vai para um spa e come só fruta”, enfim, já ouvi de tudo e às vezes é com cada disparate que nem sei o que responder.

 

Obviamente que já não tenho 20 anos e que já não emagreço com tanta facilidade (aliás nem tinha noção de como era magra com tudo o que comia e com a pouca ginástica que fazia). Para além da idade ser uma grande treta a nível de metabolismo ainda tenho uma doença crônica, chamada Hipotiroidismo que mexe muito com a parte emocional.
Ora bem se eu sou actriz, é só juntar um mais um.

 

Se gosto de comer? Gosto mas esforço me para não desviar muito apesar de as vezes ter uma vontade incontrolável de comer um gelado.
Se gosto de treinar? Nem tanto mas vou ao ginásio e faço treino personalizado.
Se sou muito pressionada pelo meu próprio meio de trabalho para estar sempre em dieta e sempre magra? Sim sou.
É uma grande treta, para não dizer outra coisa, sim é.
Lia no outro dia sobre uma jovem que é actriz que dizia “eu era muito mais feliz quando tinha uns Kilos a mais do que agora que sou muito magra”.

 

O que vos quero dizer com isto, é que para mim, na minha perspectiva, tenho que me sentir saudável e bonita. Não tenho que ser escanzelada, comer só fruta o dia todo e andar aí como se estivesse literalmente em cima de um esqueleto.

 

Espero que um dia o nosso mercado e a nossa sociedade comece a julgar menos e a preocupar-se com outras coisas mais importantes.

 

Para os que são magros por natureza e atribuem isso à genética parabéns! Para os que não são, está na hora de mudar mentalidades e acima de tudo sermos saudáveis! Porque o que nos traz felicidade é sem dúvida sermos image

 

Beijos e abraços
#Inês